1.o Colocado "LONGEVIDADE HISTÓRIAS DE VIDA BRADESCO SEGUROS" 2012

Para reflexão e atitude!

5 de junho de 2009 comente


LONGEVIDADE
Hoje em dia, os assuntos mais em pauta em todas as mídias mundiais são a conservação do meio ambiente, aquecimento global e conscientização. Mas será que estamos mesmo conscientizados?

Vemos reuniões governamentais, milhões de "ONGs" sendo criadas em nome do nosso meio-ambiente, campanhas para salvar a Amazônia...de uma forma geral, várias atividades estão sendo iniciadas e muito se fala e se discute sobre o assunto. E a maior ordem: Reciclar!

Mas e no seu dia a dia? O que você efetivamente transporta do que vê nos telejornais para a sua vida real?

O seu tempo no banho, tem sido mais curto?...o lixo produzido na sua casa, tem sido devidamente selecionado?...você ensina o que devemos plantar, cultivar e o que é cuidar para os seus filhos?...ou apenas espera que a escola "cumpra" com o papel dela?

No dia escolhido para ser "do meio-ambiente", muito temos que nos perguntar e muito mais a nos conscientizar.

Como você tem cuidado do seu carro? Pesquisas do Laboratório de Poluição Atmosférica Experimental da Faculdade de Medicina da USP mostraram que cerca de 10% das mortes de idosos, 7% da mortalidade infantil e 20% das internações de crianças por doenças respiratórias estão relacionadas à poluição ambiental.

A Inspeção Veicular é fator determinante para o efetivo controle dessa poluição. Segundo dados do DETRAN-SP, 42% dos veículos com placa final 1 NÃO fizeram a vistoria no prazo e estão com o licenciamento bloqueado. Isso trocado em miúdos e informado pela Prefeitura de SP, significa que cerca de 55 mil veículos deixaram de lado a tal "conscientização".

Ou seja...onde está a prática? Onde está o exemplo?

Fazer a sua parte para o meio-ambiente não é apenas colaborar com a coleta seletiva do seu bairro. Essa é apenas a "ponta do imenso iceberg".

Fazer parte do meio-ambiente é acima de tudo, mudar velhos hábitos, instaurar novos padrões, tomar partido, se posicionar, cumprir LEIS. É saber que você é parte de um planeta que será do seus filhos, netos, bisnetos, etc, etc, etc...e que a herança que você pode deixar, é muito mais do que uma simples declaração de bens.

Fonte: Revista Meio Filtrante



0 comentários:

Ocorreu um erro neste gadget