1.o Colocado "LONGEVIDADE HISTÓRIAS DE VIDA BRADESCO SEGUROS" 2012

Pálpebras em excesso?

5 de abril de 2010 7 comentários
Quem já passou dos 45 anos sabe bem o quanto aquelas bolsas que surgem nas pálpebras incomodam. Resultado da flacidez da musculatura e sem meios de prevenção, a única saída para quem deseja removê-las é a cirurgia. Chamado blefaroplastia, o procedimento já lidera a lista dos mais utilizados para rejuvenescimento facial de homens e mulheres nos EUA, segundo a Sociedade Americana de Cirurgiões Plásticos. Aqui no Brasil, a procura também está crescendo.

Segundo o especialista Carlos D Aparecida Machado Filho, coordenador do Departamento de Cirurgia Dermatológica da Sociedade Brasileira de Dermatologia, os músculos que mantêm a gordura retida vão tornando-se flácidos com o passar dos anos. Sem a rigidez muscular, a gordura tende a ficar exposta. É aí que se formam as tão incômodas bolsas.

A única forma de corrigi-las é a Blefaroplastia. "No passado, houve uma tentativa de resolver o problema por meio da infiltração de uma substância que deveria derreter a gordura, mas não houve aprovação científica", comenta Machado. Não há mistérios. Com uma anestesia local, o cirurgião faz uma incisão rente aos cílios ou no interior da pálpebra, expõe a gordura e as remove.

De acordo com o dermatologista, o processo dura, em média, uma hora e meia e não requer internação. O paciente precisa, apenas, repousar nos quatro dias seguintes. Se o medo é de uma possível cicatriz, Machado garante que ela é discreta e quase imperceptível. E o bolso? "Diante de uma lipoaspiração ou de um implante de próteses de silicone, não é uma cirurgia cara", afirma o especialista.

O coordenador lembra que, nos casos em que há o excesso de músculos, a operação é o único caminho. Porém, se a quantidade de pele é grande nas pálpebras, existem outros caminhos de resolver o problema, como peelings e tratamentos com laser.

Antes de se submeter à cirurgia, é preciso um diagnóstico correto e seguro de um bom profissional.

Sinta-se em casa e deixe seu comentário.

7 comentários:

Sônia Silvino disse...

Infelizmente tudo cai com o tempo! rs
Bjkas e ótima semana!

Chica disse...

Ainda bem que pelo menos essas pelancas não tenho ainda,rsrs... Meu marido as tem!beijos,chica e lindasemana!

Chica disse...

Ainda bem que pelo menos essas pelancas não tenho ainda,rsrs... Meu marido as tem!beijos,chica e lindasemana!

Lu Souza Brito disse...

Silvia,

Tenho verdadeiro horror dessas cirurgias, rsrsr.
Uma senhora amiga minha resolveu fazer porque as bolsas dela parecia as do Antonio Fagundes. menina, aquele pontinho que dá proximo do olho ficou "virado" e o olhar dela ficou todo modificado por causa disso. Além de uma vermelhidao na área ao redor dos olhos e no proprio olho que só agora, quase 5 anos depois, é que está melhor. Ela sofreu muito, precisou refazer e mesmo assim nao ficou 100%. Claro, sei que pode ser uma fatalidade, ou nao fez a melhor escolha da cirurgiã, mas se eu ja tinha pavor dessas coisas (qq uma que envolva cortes) imagina depois disso.

E como foi a Páscoa? Comeu muito chocolate? kkkkk

Bjooooos

*Isis* disse...

É alei da gravidade falando rsss..
Não tenho a i n d a, mas sei que vou ter . E como~sou medrosa pacas para fazer cirurgias, sei que vou dar um jeitinho de me acostumar com elas rss.
Bjinho Silvia.

welze disse...

espero que tenham passado uma feliz Páscoa e desejo uma ótima semana

Agostinho Lopes disse...

Já fiz essa cirurgia, pois o excesso estava comprometendo meu campo visual.

Ocorreu um erro neste gadget