1.o Colocado "LONGEVIDADE HISTÓRIAS DE VIDA BRADESCO SEGUROS" 2012

A música como terapia para portadores de demências e Cuidadores parte 2 de 2.

12 de junho de 2013 comente

A música como terapia não é apenas para o ente querido.

Cuidadores encontram um aumento do estresse expressivo ao cuidar de um ente querido .Estudos mostram que ouvir música pode levar ao aumento dos níveis de secreção de melatonina, um hormônio associado com a regulação do humor, menor agressividade, depressão e sono reduzido reforçada. Usando a música para lidar com estas queixas comuns os cuidador podem ter um alívio nesse estresse.

Programa Musicoterapia:
Fale com o seu ente querido sobre momentos felizes em sua vida e faça  associações de música com que períodos felizes que vocês viveram. Quer se trate de big band, gospel, rock 'n' roll, country, ópera ou blues, descubra quais melodias trazem sorrisos a seus pais ou cônjuge. 

Especialmente  os doentes de Alzheimer que conservam a memória de longo prazo ao invés de memória de curto prazo, encontrar músicas de sua juventude, que o alegraram. Mas tome cuidado, a música também pode evocar memórias tristes, fique atento. (Um sobrevivente do Holocausto, em um programa piloto supostamente ficou muito chateado ao ouvir uma ópera de Wagner, que o lembrou de que era traumático de sua vida).

Envolver as novas gerações

 Você pode ajudar a criar intimidade emocional quando os cônjuges e famílias compartilham experiências musicais criativas. Baixando músicas na internet, a criação de uma lista de reprodução envolvendo os seus filhos na interação com seus avós para escolher suas músicas favoritas pode ter um efeito muito positivo em toda família.

Este é um trecho do livro de Sherri Snelling, um elenco de Cuidadores - Histórias de celebridades para ajudar a preparar a Care, publicado pela Imprensa Balboa em 13 de fevereiro de 2013.


Quando um casal dançaram juntos pela primeira vez depois de cinco anos de deterioração do marido da doença de Alzheimer a esposa disse ao neto que estimulou o momento:

"Obrigado por nos ajudar com a dança. É a primeira vez em três anos que o teu avô me segurou em seus braços. "Com lágrimas nos olhos, ela disse que tinha saudades dele apenas segurando ela e que a musicoterapia tinha feito isso possível".

Traduzido e adaptado do texto: Music as Therapy: A 5-Note Plan for Caregiver Calm por Silvia Masc.

0 comentários:

Ocorreu um erro neste gadget