1.o Colocado "LONGEVIDADE HISTÓRIAS DE VIDA BRADESCO SEGUROS" 2012

Daqui pra frente, faça tudo diferente

1 de janeiro de 2010 9 comentários



















Daqui pra frente, faça tudo diferente

Dezembro lembra festa, que lembra ano novo, que lembra planos. Nessa época do ano, haja promessa e desejo de mudanças. Quem nunca ouviu frases como "Vou abrir meu negócio no próximo ano", ou "Em 2010, vou fazer aquela tão sonhada viagem"? Mas elaborar um projeto de vida não é tão simples quanto fazer um pedido e pular sete ondas. Requer tempo, reflexão, coragem e determinação.

Segundo a psicóloga e consultora Ana Fraiman, um projeto de vida é uma visão de futuro, e deve estar relacionado com algo que faça sentido, que tenha um significado profundo. "Um projeto envolve escolhas, mudanças de comportamento, firmeza de atitudes. É um traçado que reflete os valores principais de alguém, aquilo pelo qual se deseja lutar e fazer prosperar", define a consultora.

Para ela, diferente do que se costuma pensar, não é mais difícil ir em busca dos sonhos aos 50. Pelo contrário. "As pessoas estão mais conscientes e, portanto, têm mais discernimento ao escolher. Quando se é jovem, é fácil embarcar nos projetos de vida alheios. Nessa etapa da vida, só se age e persevera se o projeto for próprio, pois as pessoas maduras não aceitam ser manipuladas", destaca.

De acordo com a consultora, elaborar um projeto de vida na terceira idade não é muito diferente de quando somos crianças e pensamos no que queremos ser quando crescer. Na maturidade, imagina-se o que se quer ser durante o envelhecimento. O problema é que muitos "cinquentões" terminam se boicotando antes mesmo de começar a planejar. Segundo a psicóloga Rosana Mafra, eles se comportam como se todos os desafios e projetos já tivessem sido vivenciados no passado.

Um baixo grau de autoconhecimento também pode dificultar a elaboração de projetos de vida. "Se não me conheço suficientemente, se não tenho claros para mim quais são os meus principais valores, em que eu acredito, o que quero realizar na minha vida, enfrentarei mais dificuldade para construir um projeto em consonância com minhas necessidades e com minha visão de mundo", alerta Rosana.

Superados os bloqueios, por onde começar? Rosana explica que o primeiro passo é abandonar crenças como "Já estou velho demais para sonhar" ou "Já realizei tudo que planejei". Em segundo lugar, fazer uma autoavaliação, questionando-se que desejos e sonhos ainda não foram alcançados. A terceira etapa é pensar porque ainda não se chegou lá. "Levantados os impedimentos, que podem ser, por exemplo, timidez ou falta de coragem, identifica-se as ações que serão adotadas para vencer estes obstáculos", explica Rosana. O passo seguinte é concretizar os planos. "A realização de cada um, por menor que seja, será um combustível importantíssimo para a pessoa se manter motivada a continuar", completa.

Para dar aquele empurrãozinho final, Ana lembra que ter um propósito na vida é o que ajuda a prosseguir. "Quando nos sentimos totalmente abatidos, só renascemos quando a vida volta a fazer sentido. E isso pode acontecer de uma hora para outra: um olhar de uma criança, uma boa palavra de alguém, uma flor que se abre, um cachorrinho que nasce, qualquer coisa que volte a nos comover e, assim, sentir que estamos vivos", define.

Rosana ressalta que acreditar, agir e acrescentar uma boa dose daquela "teimosia saudável" vão fazer você chegar lá. Afinal, basta lembrar da memorável frase citada pelo ator John Barrymore: "Os homens só envelhecem quando os lamentos substituem os sonhos".

Sinta-se em casa e deixe seu comentário.

9 comentários:

Chica disse...

É preciso fazer, recomeçar e tentar sempre! Não parar no tempo...beijos, lindo 2010!chica

Heloísa disse...

Silvia,
Sempre tive para mim que "nunca é tarde para novas conquistas".
E fui atrás, e consegui muitas coisas, pensando assim.
Cada vez mais, quero acreditar nisso.
Beijos.

Sônia Silvino disse...

Silvia!
É preciso sonhar pra depois realizar, não é mesmo?
Bjkas e bom retorno!

Alfredo/Agência WD1 disse...

oi Silvia , um ótimo 2010 pra você!!!

Com certeza nossos velhinhos devem parar de se lamentar e retomar seus sonhos e certamente vão se sentir mais felizes.
Parabéns pela dedicação aos nossos queridos velhinhos!

Alfredo/Agência WD1

Beth/Lilás disse...

Cara amiga,
Pois é isso que eu e marido vivemos conversando, sobre estas realizações na idade madura e o medo de dar um passo em falso.
No meu caso, ainda tenho um filho para criar e orientar, por isso nossas decisões ainda estão muito cautelosas e preocupantes.
Adorei o artigo!
beijos cariocas

betty mello disse...

Querida, a você e a seus queridos desejo um lindo 2010. Saúde, paz, amor e realizações. Um beijo carinhoso, Betty

Cristiane A. Fetter disse...

Deixa eu te contar um segredo.
No foyer da minha casa tem uma mesinha e em cima um jarro de cristal que ganhei de casamento e adivinha quais são as flores que tem lá?
Estas da imagem.
Nada acontece por acaso.
bjks

Anny disse...

Boa tarde, Sílvia!
Uma aquerela linda!
Amo aquarelas.

Beijos.
Anny.

Silmara F. disse...

Amiga estou com sorteio no meu Blog Silmara Layouts http://silmaralayout.blogspot.com/
Passe lá e participe!!!
Bjs e sucesso.

Ocorreu um erro neste gadget