1.o Colocado "LONGEVIDADE HISTÓRIAS DE VIDA BRADESCO SEGUROS" 2012

Atividades cognitivas simples, como trabalhos manuais, podem diminuir o risco de demência nos idosos.

9 de setembro de 2010 2 comentários
Pesquisadores da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP) traçaram um perfil da prevalência e incidência de demência entre idosos de uma região pobre de São Paulo. Os resultados mostram que a baixa escolaridade e renda estão entre os principais fatores de risco que podem levar a doença.


Ao mesmo tempo, verificou-se que a realização de atividades cognitivas simples, como trabalhos manuais, pode diminuir o risco de demência nos idosos.


Entre as tarefas cognitivas simples estão as costuras, como o tricô e o crochê.

“Entre os idosos que tiveram mais desvantagens sócioeconômicas ao longo da vida, o risco de demência foi cerca de sete vezes maior do que os idosos que não expostos a estes fatores de risco”.

Dois anos após a primeira avaliação os idosos foram entrevistados novamente.

“Verificou-se que os idosos que realizavam mais atividades tiveram menor declínio no funcionamento cognitivo dois anos após a inclusão deles no estudo. A maior participação em atividades também esteve associada a um menor risco de desenvolver demência neste período”. Quanto ao tipo específico de atividade desenvolvida, a pesquisa também mostrou que idosos que realizavam mais atividades cognitivas na inclusão do estudo tiveram menor declínio cognitivo no seguimento, o que incluia trabalhos manuais, em madeira e metal, costuras, tricô, crochê, frequentar aulas, utilizar o computador, cantar, tocar música, jogar sozinhos, ler e escrever.

“Os resultados da pesquisa complementam as conclusões de outros estudos com idosos que têm acesso a atividades sofisticadas e que requerem alto poder aquisitivo, pois mostram que não apenas as atividades cognitivas sofisticadas, como ir ao teatro ou ler um romance, podem prevenir ou retardar o aparecimento da demência”.

Por Júlio Bernardes - jubern@usp.br


AGência USP

Sinta-se em casa e deixe seu comentário.

2 comentários:

Leci Irene disse...

Adorei ler... principalmente hoje que eu trouxe meus trabalhos para as meninas olharem e eu disse que estava aprendendo para qdo me aposentar! Quer dizer,sem saber já estou eu aqui iniciando meu processo de "diga não á demência"!
beijos

orvalho do ceu disse...

Olá,
Gosto muito tanto do ticô como do crochê.
Me apazigua e encanta os olhos depois de pronto pra presentear ou usar.
Assim que estou unindo o útil ao agradável.
Um grande abraço fraterno de paz.

Share It