1.o Colocado "LONGEVIDADE HISTÓRIAS DE VIDA BRADESCO SEGUROS" 2012

O Alzheimer tem progressão lenta sempre?

5 de setembro de 2011 3 comentários
Alzheimer é uma doença degenerativa do cérebro, o que geralmente implica uma progressão lenta. No entanto, por vezes, a doença de Alzheimer progride rapidamente - ao longo de semanas ou meses, em vez de anos - mas isto é incomum.

A rápida progressão pode também sugerir que um segundo tipo de demência está complicando a doença de Alzheimer - como a demência vascular ou doença do corpo de Lewy. Além disso, a rápida progressão pode indicar uma outra condição que imita os sintomas da doença de Alzheimer, tais como:

  • Encefalopatia responsiva esteróide associada a tireoidite auto-imune
  • Condições relacionadas com doenças auto-imunes ou câncer, como a encefalite límbica paraneoplásica
  • Infecções que afetam o sistema nervoso central, como o HIV ea doença de Creutzfeldt-Jakob
  • Um efeito colateral de certos medicamentos, como anticolinérgicos e analgésicos narcóticos
  • A deficiência de vitamina B-12 ,depressão e hipotireoidismo
O ideal é buscar rápidamente uma avaliação médica, para determinar a causa exata da rápida progressão da demência, já que algumas causas são tratáveis.

Fonte: MayoClinic


Sinta-se em casa e deixe seu comentário.

3 comentários:

Sônia Cristina disse...

Oi Silvia,

Estou aqui há horas lendo o seu blog,gostaria de tê-lo encontrado há uns dois meses atráz, mas tudo bem!

Perdi minha mãe dia 24 do mês passado, ela tinha Alzheimer, do dianóstico a morte a sua formam menos de dois meses, foi tão difícil ouvir (moramos distantes uma da outra) minha mãe se esquecer de mim e sempre me chamar pelo nome de uma irmã dela que morreu antes do meu nascimento.
Foi uma progressão tão rápida, tão devastadora, ela também perdeu a liberdade,uma vez que fugia de casa, e era vigiada 24hs por dia por duas enfermeiras.
Há dois anos atráz, acompanhei meu sogro também com esse mesmo mal, mas o caso dele foi lento,durou anos, as lembranças rcentes foram se esvaindo devagar.

Tá doendo muito ainda, minha mãe tão ativa, tão acolhedora,deixou de nos reconhecer (justo ela que reconhecia o"oi mãe", de cadaum dos filhos que viva distante....

Um beijo querida.

Luma Rosa disse...

Viu que hoje o Maguila declarou que está com o Mal de Alzheimer?
Depois dos 60 anos deve-se investigar os esquecimentos frequentes procurando ajuda médica.

*Coração apertado com o comentário da Sônia Cristina. Algumas coisas na vida da gente, não tem como fugir - temos que passar por elas!

Boa semana! Beijus,

Silvia Masc disse...

Realmente Luma, situação muito triste, deixei uma palavrinha no blog dela. Eu não a conhecia.

beijinho e obrigada.

Ocorreu um erro neste gadget