1.o Colocado "LONGEVIDADE HISTÓRIAS DE VIDA BRADESCO SEGUROS" 2012

O que é HPB?

6 de setembro de 2014 comente

A Hiperplasia Prostática Benigna (HPB), condição que causa problemas com a passagem da urina, costuma afetar dois em cada cinco homens acima dos 50 anos, e três a cada quatro com mais de 70 anos.

A próstata cresce vagarosamente à medida que o homem envelhece. Em alguns casos, a próstata pressiona o canal pelo qual passa a urina (uretra). Quando isso acontece, torna-se difícil a passagem da urina. Pode ocorrer que o jato de urina fique muito fraco ou que o homem sinta dificuldade em esvaziar a bexiga. Entretanto, esses sintomas podem também ser causados por outros problemas, como infecção urinária e outros problemas da próstata. Se você sentir qualquer um dos sintomas descritos acima, não hesite: procure um urologista para descobrir o que está causando o problema.

A Hiperplasia Prostática Benigna (HPB) não é um tipo de câncer e não aumenta o risco de que o paciente desenvolva um câncer.

Como diagnosticar a HPB?

A partir dos 40 anos de idade, é recomendado que o homem marque uma consulta com um médico urologista. É por volta dessa idade que começam a aparecer os sintomas relacionados aos problemas de saúde masculinos. O urologista deve ser procurado sempre que houver qualquer tipo de dúvida.

O toque retal é um exame extremamente importante tanto para constatar a presença da HPB como para descartar a hipótese de câncer de próstata. Durante o exame, o médico pode avaliar o tamanho e a consistência da próstata, além de descobrir nódulos que podem ser indício de câncer de próstata.

O exame de sangue é complementar ao exame físico realizado pelo urologista. Neste exame é dosada uma substância presente no sangue denominada Antígeno Prostático Específico (PSA), que aumenta em casos de HPB e câncer de próstata. Porém, o fato do nível de PSA estar elevado não indica obrigatoriamente que o homem tenha câncer de próstata ou HPB, sendo necessária pesquisa adequadamente direcionada pelo médico.

É importante ressaltar que o PSA, apesar de ser um exame importante, não descarta a necessidade do exame do toque retal. A melhor forma de diagnosticar tanto o HPB quanto o câncer de próstata é por meio dos dois exames realizados juntos. Portanto, procure um urologista para melhores informações sobre sua saúde.

Há modos de prevenir a HPB?

A HPB está intimamente relacionada com a idade do homem. Mas muitos estudos já revelaram a relação de outros fatores com o desenvolvimento dessa doença.

Sabe-se, por exemplo, que com o consumo de gorduras saturadas e zinco aumentam as chances de um paciente possuir uma HPB sintomática. O consumo de frutas tem efeito contrário. Outros fatores também são citados como relacionados ao desenvolvimento da HPB: valores altos de PSA, doença cardiovascular prévia, obesidade e diabetes. Um estudo chegou até mesmo a identificar que a história familiar de câncer de bexiga pode aumentar as chances de o paciente desenvolver a HPB.

Dessa forma, todos os estudos mostram que além da idade, o cuidado com a alimentação é de grande importância na prevenção da HPB. Não somente a HPB seria evitada com uma boa alimentação, mas também diversas outras doenças, como a hipertensão e o infarto do coração.

Qual é o tratamento?

O tratamento depende do grau de intensidade dos sintomas, de quanto eles afetam as atividades do dia a dia e da qualidade de vida. Em caso de sintomas brandos, pode não ser necessário nenhum tratamento específico. O médico fará o acompanhamento do paciente e conversará a respeito de algumas mudanças simples no estilo de vida que ajudarão a diminuir os sintomas. Por exemplo, o médico pode informar-se a respeito dos líquidos que o paciente ingere e recomendar a redução no consumo de álcool e de bebidas que contenham cafeína, como o café e o chá. Essas bebidas pioram os sintomas.

Se os sintomas estão piorando rapidamente e causando problemas, converse com o seu urologista a respeito das opções de tratamento.

Fonte: portal Programa Saúde Fácil

Sinta-se em casa e deixe seu comentário.

0 comentários:

Ocorreu um erro neste gadget