1.o Colocado "LONGEVIDADE HISTÓRIAS DE VIDA BRADESCO SEGUROS" 2012

Ossos mais fortes

5 de julho de 2010 7 comentários
Os números sobre a osteoporose, conhecida como uma doença silenciosa, assustam. De acordo com a Federação Nacional de Associações de Pacientes e de Combate à Osteoporose (Fenapco), a cada ano, ocorrem aproximadamente 1,6 milhões de fraturas de quadril no mundo. Estima-se que esse número aumente para 4,5 a 6,3 milhões em 2050.

Tanto a prevenção como o tratamento são essenciais. Mas ainda segundo a Federação, apenas um em cada quatro casos são tratados corretamente. Especialistas reforçam que quanto mais tarde a descoberta, mai caro pode custar o tratamento da doença. Falta conscientização, também.

O geriatra Salo Buksman, responsável pelo Programa de Osteoporose Masculina (PROMA) do Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia (Into), diz que os pilares da prevenção são uma alimentação saudável e a prática de exercícios físicos. Informação também é essencial


Histórico familiar, consumo de cálcio e vitamina D, controle da medicação. Salo Buksman enumera os sete principais passos para a prevenção e o tratamento correto da osteoporose.

Histórico familiar
Antes de tudo, procure sabe se os pais são portadores da doença. Em caso positivo, mantenha cuidado redobrado na prevenção e atenção à saúde dos ossos e no controle da osteoporose.

Exponha-se ao sol
Antes das 10h da manhã ou após as 16h, exponha-se à luz do sol sem filtro solar durante 15 minutos todos os dias. O sol deve incidir sobre a face, tronco superior e braços. Os raios solares são importantes na absorção da vitamina D.

Consuma cálcio
Preocupe-se com a ingestão mínima de cálcio necessário para manter os ossos saudáveis. São recomendados 1.200 mg por dia. O cálcio é obtido através dos laticínios, principalmente.
Consumoa vitamina D
Acrescente alimentos ricos em vitamina D diariamente. Verduras, lacticínios e cereais fortificados com esse tipo de vitamina são as principais fontes alimentares da vitamina D.

Pratique exercícios físicos
A prática de atividades físicas é essencial na fortificação dos ossos. Mas atenção: há uma corrente, que defende  exercícios de impacto mínimo, caminhadas e esportes leves, há  outra que sugere exercícios de alto impacto.
Quando há divergência, tenho certeza que o mais aconselhável, é consultar o médico que tem o seu histórico clínico, ou um especialista no assunto.

Controle a medicação
Confira se os medicamentos utilizados no dia-a-dia provocam osteoporose como a cortisona e os anticonvulsivantes. Medicamentos como estes devem ser reduzidos a doses mínimas necessárias. Consulte seu médico.
Trate a doença corretamente
Caso já seja portador(a) de osteoporose, recorra a médicos especializados para o tratamento com medicamentos capazes de estabilizar o quadro da doença ou na tentativa de melhorar o problema.

Sinta-se em casa e deixe seu comentário.

7 comentários:

Francisco de Sousa Vieira Filho disse...

Por que o percentual é maior entre as mulheres?

Silvia Masc disse...

Caro Francisco,

Existem 2 possibilidades na sua pergunta.

1a.Nesse caso, a diferença maior se explica em razão de as mulheres desenvolverem mais precocemente a osteoporose devido ao climatério.

2o. *Pesquisa mostra que o risco de fratura de quadril em decorrência de osteoporose é considerável em homens de 65 anos ou mais, embora inferior ao das mulheres da mesma faixa etária. Revela também que a incidência de osteopenia na coluna é maior entre os homens – 50% contra 43% das mulheres analisadas. Mesmo assim, segundo o estudo, a maioria da população masculina não tem o hábito de realizar exames específicos dos ossos, fato que impede a prevenção.

*Pesquisa European Federation of National Associations of Orthopedics and Traumatology, apresentada em um dos mais importantes congressos mundiais da área

Luma Rosa disse...

Oi, Sílvia! Fiquei sabendo que musculação também é muito bom para ajudar a prevenir e no tratamento da osteoporose. Isto é vero? :D Beijus,

Silvia Masc disse...

Olá Luma,

O seu comentário foi extremamente oportuno, veja o ítem exercícios no post.

Beijo e obrigada pela visita.

welze disse...

esse é um assunto que precisa ser abordado sempre, pois a todo instante tem uma pessoa que esteja se informando dele pela primeira vez. vc nos traz essas informações com muita propriedade. agradeço por isso, muito. boa semana

Beth/Lilás disse...

Bem, eu faço musculação há tempos e vejo que isso tem me ajudado em muito, pois algumas mulheres que conheço na minha faixa e que não fazem exercício físico, podem até ser mais magras, mas têm musculatura fraca e dores aqui e ali.
O que tenho que fazer mais é pegar sol, não sou muito adepta, apesar de achá-lo lindo e importante nas nossas vidas.
bjs cariocas

Ministério da saúde disse...

Olá!

Seja parceiro da campanha de doação de sangue do Ministério da Saúde.

Para receber todo material da campanha e saber como participar, entre em contato com comunicacao@saude.gov.br

Att,
Ministério da Saúde.

Ocorreu um erro neste gadget