1.o Colocado "LONGEVIDADE HISTÓRIAS DE VIDA BRADESCO SEGUROS" 2012

Como funciona a Universidade Aberta para a 3a. idade?

22 de agosto de 2010 1 comentário
Em vários países, inclusive no Brasil, a Universidade tem desempenhado essa função por meio de programas voltados para a educação permanente de adultos maduros e idosos, normalmente denominados “Universidade Aberta à Terceira Idade”. Tendo como pressuposto a noção de que a atividade promove a saúde, o bem-estar psicológico e social e a cidadania dessa clientela genericamente chamada de terceira idade, esses programas oferecem oportunidades para participação em atividades intelectuais, físicas e sociais.

A inclusão dos mais velhos nesses locais tem servido de espaço para rico contato intergeracional e de revisão de crenças e atitudes acerca da velhice, ao demonstrar que é possível aprender e se desenvolver durante a última etapa do ciclo vital.

A Universidade de São Paulo estruturou o projeto Universidade Aberta à Terceira Idade em 1993. O programa atualmente é desenvolvido em todos os campi e unidades da USP: em São Paulo, na Cidade Universitária e na Escola de Artes, Ciências e Humanidades; em Bauru, Piracicaba, Pirassununga, Ribeirão Preto e São Carlos.

As atividades acontecem por meio de de oficinas, palestras e disciplinas dos cursos de graduação oferecidas semestralmente. As pessoas podem selecionar as atividades de seu interesse, tais como:

Oficinas: atividade que busca através da troca de experiências e conhecimentos entre seus participantes, um envelhecimento bem-sucedido. Sua realização é semanal com início na segunda quinzena de março e término na primeira quinzena de junho. Compreende os seguintes grupos: Conheça seus direitos e participe: quem se informa, transforma; Ateliê de Arte e Criatividade; Educação Alimentar; Ações para Prevenção de Quedas de Idosos; No caminho da Prevenção de Doenças: o Cuidado com a minha Saúde; Conversando com quem gosta de conversar; Grupo de Crescimento Pessoal; Viver bem com qualidade de Vida; E a família, como vai?

Palestras: atividade para a promoção da saúde, realizada no mês de maio. Compreende os seguintes temas: Saúde e gestão de risco no envelhecimento; Sono na terceira idade; Dor facial e de cabeça no idoso.
Disciplinas da graduação: é destinada para pessoas que possuem no mínimo o ensino médio completo. Os interessados poderão escolher as seguintes disciplinas que tem início em março e término em junho: Processos Psicológicos Básicos para Gerontologia; Processos Patológicos do Envelhecimento II; Metodologia da Pesquisa em Lazer e Turismo I; Reflexões sobre o lazer e turismo I; Ética; Teorias da Democracia; Ciclo de Vida; Introdução ao Estudo das Políticas Públicas I.

Podem participar dos cursos pessoas com idade a partir de 60 anos. Para matricular-se nas oficinas e palestras, não se exige a apresentação de diplomas ou certificados de escolaridade concluída anteriormente.
Para chegar à USP Leste pode-se pegar o trem da CPTM, Linha F Estação USP Leste, que é praticamente dentro da Universidade



Informações extraidas do Site da Escola de Artes, Ciências e Humanidades da Universidade de São Paulo - USP
Sinta-se em casa e deixe seu comentário.

1 comentários:

Beth/Lilás disse...

Será que tem isso em outras cidades?
Aqui em Niterói será que tem, vou verificar?
Mas, S.Paulo neste ponto ainda é o máximo.
bjs cariocas

Ocorreu um erro neste gadget