1.o Colocado "LONGEVIDADE HISTÓRIAS DE VIDA BRADESCO SEGUROS" 2012

O que fazer durante uma explosão de raiva e alucinação do paciente de Alzheimer?

26 de julho de 2013 comente
- Não confrontar a pessoa ou tentar discutir o comportamento agressivo. A pessoa com demência não pode refletir sobre seu comportamento inaceitável e não pode aprender a controlá-lo.
- Não inicie o contato físico durante a explosão de raiva. Muitas vezes, o contato físico desencadeia violência física no paciente.
- Proporcionar a pessoa “tempo” longe de você. Deixe-os ter espaço de estar com raiva. Retira-se na direção de uma saída segura.
- Distraia a pessoa com um tema ou atividade mais prazerosa.
- Procure por padrões na agressão. Considere os fatores como privacidade, independência, tédio, dor ou fadiga. Evite as atividades e temas que desencadeie a raiva da pessoa. Para ajudar a encontrar quaisquer padrões, você pode manter um registro de quando os episódios agressivos ocorreram. Se a pessoa fica com raiva quando as tarefas são muito difíceis para eles, quebrar as tarefas em partes menores, por exemplo.

- Deixe a pessoa colocar para fora a raiva. Só não se esqueça de que todos em volta e ele devem estar seguros.
- Obtenha ajuda de outras pessoas durante as atividades que são inevitáveis e que podem desencadear ira no paciente.
- Não tome a agressividade como algo pessoal.
Dicas para gerenciamento de alucinações e suspeita
As alucinações podem ser o resultado de falência dos sentidos. Manter a tranqüilidade e sem mudanças no ambiente pode ajudar a reduzir alucinações. Além disso, filmes violentos ou televisão pode contribuir para a paranóia; evite que o paciente assistam a programas perturbadores.

Quando alucinações ou ilusões ocorrerem:
- Não discuta sobre o que é real e o que é fantasia.
- Converse sobre os sentimentos do paciente em relação ao que eles imaginam que vêem.
- Responda ao conteúdo emocional do que a pessoa está dizendo, ao invés de o conteúdo factual / ficcional.
- Procure orientação profissional, se você está preocupado com este problema. Medicamentos, por vezes, pode ajudar a reduzir alucinações.

FONTE: Helpguide
Tradução e Adaptação: Silvia Masc
Sinta-se em casa e deixe seu comentário.

0 comentários:

Ocorreu um erro neste gadget